Español

RESENHA: DR. JOSÉ DOUGLAS JARQUÍN GONZÁLEZ

Um bom médico deve ter certas características, como uma verdadeira vocação, possuir certas habilidades inerentes à sua profissão, boa comunicação e uma especial dedicação ao trabalho entre outras coisas, Douglas Jarquín, além de tudo isso, possuía empatia, respeito e bom trato para com com seus pacientes; crítico e pró-ativo com os colegas, quando deve. Como Profissional, foi um trabalhador incansável, investigador e professor, que colocou todas as suas energias intelectuais para alcançar os resultados propostos, motivava constantemente os seus alunos, colegas e subordinados, para que todos se sentissem parte de cada projecto realizado.

Apesar de ser um cirurgião obstetra-ginecologista habilidoso, preferiu sair da sala de cirurgia e se dedicar à Saúde Pública Materno-Infantil, além da pesquisa clínica e operacional. Treinamento que realizo no Centro Latino-Americano de Perinatologia (CLAP) em Montevidéu, Uruguai.

A nível sindical, nasceu dirigente da Associação de Ginecologia, participando em projetos de Saúde Reprodutiva, dando formação em todo o país, com bons resultados. Nas pesquisas, ele ia às comunidades, ver de perto suas necessidades, revisar com os operários as dificuldades que tinham e dar-lhes apoio para superá-las.

Ao nível do Ministério da Saúde, participei como investigador principal, na concretização da Linha de Base da Mortalidade Materna, implementando acções a nível do País, como a formação no local de trabalho, realização de workshops com o pessoal envolvido, de forma a reduzir Morbidade e mortalidade materna em El Salvador. Também funcionou de forma unificada como ASOGOES; com a Western Gynecology Association (AGOSA) e a Eastern Gynecology Association (AGOO), realizando sessões de educação continuada com eles.

Participou da reativação da Federação Centro-Americana de Ginecologia (FECASOG) em 1995, e do Comitê de Pesquisa do COMIN-FECASOG, sendo seu Coordenador (2004 a 2016), realizando várias investigações na Área Centro-americana, incluindo o Estudo de Morbidade Materna Extreme na Região Centro-americana, premiado como Melhor Trabalho Científico na Área Obstétrica, no Congresso Latino-Americano de Ginecologia e Obstetrícia, em 2008 na cidade de Mendoza, Argentina.

Ele foi mestre em Ginecologia e Obstetrícia da América Latina e da América Latina. Ele representou nosso país em múltiplas ocasiões, levantando o nome de El Salvador, da Região da América Central, bem como da América Latina como Coordenador do Comitê de Mortalidade Materna da FLASOG.

Como pessoa, foi um excelente marido, pai, avô e amigo, sempre pronto a apoiar nos momentos difíceis e também nos bons. Sua família era sua prioridade, sendo um exemplo de trabalho e dedicação para seus filhos e netos.

Descanse em paz nosso amigo Dr. José Douglas Jarquín González.

Author

flasog21

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.